Dois paraenses estão entre os 40 mais premiados jornalistas de 2021

 Dois paraenses estão entre os 40 mais premiados jornalistas de 2021

Uma das fotos sobre o combate à covid-19 em terras indígenas, no Pará (foto de Tarso Sarraf)

O Ranking dos +Premiados da Imprensa Brasileira 2021, levantamento anual promovido desde 2011 por este Jornalistas&Cia e pelo Portal dos Jornalistas, começou a divulgar seus resultados nesta semana. Até o final de janeiro, você conhecerá quem (e quais) são os jornalistas, veículos e grupos de comunicação mais premiados do ano e da história no Brasil.

O primeiro recorte é o dos +Premiados Jornalistas do Ano, em nível nacional. Depois de um 2020 escasso em premiações, quando pelo menos 40 iniciativas tradicionais suspenderam suas atividades por causa da covid-19, este ano contou com uma impressionante retomada de quase todas as as premiações interrompidas.

Pelo levantamento, a jornalista Elaine Brum está em primeiro lugar entre as mais premiadas.

Paraenses – E pelo ranking geral, dois jornalistas paraenses estão entre os 40 mais premiados. Na 12a. posição está o fotojornalista Tarso Sarraf, do jornal O Liberal, que obteve 60 pontos no cômputo geral. Mas no enfoque Regional, do norte do País, Tarso surge como quarto colocado.

E na posição 39, com 47,5 pontos, está a repórter paraense Irna Cavalcante, do jornal O Povo, de Fortaleza (CE). Para quem não sabe, antes de se mudar para capital cearense, Irna foi repórter do jornal O Liberal em Belém. Na pontuação da região Nordeste, Irna está na sexta posição.

Irna Cavalcante, do jornal O Povo, é uma das jornalistas mais premiados do Ceará

Prêmio – O ranking dos +Premiados da Imprensa Brasileira analisa os resultados de quase 200 prêmios de jornalismo, do Brasil e do Mundo, e atribui pontuações aos jornalistas para cada premiação conquistada.

Os pontos variam de 10 a 100, de acordo com relevância histórica, amplitude de temas e abrangência geográfica, e são considerados na totalidade para premiações individuais, e pela metade para trabalhos em equipes.

Fonte: portal Jornalista & Cia

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *