Nova ocupação de William Serique e outras novidades da imprensa paraense

 Nova ocupação de William Serique e outras novidades da imprensa paraense

A live com os jornalistas da TV Liberal será na quinta-feira, 26, às 21h, pelo Instagram

Quarta-feira, 25, cheia das novidades na imprensa paraense. Se estás acompanhando as novidades por aqui, saiba que temos suítes dos últimos acontecimentos.

Serique – Como falei no Twitter “Jornalista gosta mesmo é de fofoca”. E quero dizer que a postagem mais recente sobre William Serique bateu recordes de visualização aqui no site, com cerca de 1.800 acessos, até hoje, 25. E sim, por ora, nem para RBA TV, muito menos assessor de um deputado estadual, nem pro G1 Pará, ele foi, mas o querido colega está figurando na assessoria da deputada estadual Renilce Nicodemos (MDB). Renilce está no primeiro mandato e foi titular da SEEL, no mandato de Simão Jatene (PSDB). Só lembrando que Christian Maciel é o jornalista que acompanha Renilce na Alepa, desde o início do mandato da deputada.

Henrique Miranda – E este site é tão “de bouas” que até notícia de desafeto, nós publicamos. O “encrenqueiro mor” do jornalismo paraense, Henrique Miranda, aquele mesmo que disse que eu estou “relegada ao ostracismo”, aqui no Rio de Janeiro, mudou de emprego. O rapaz, que estava atuando na agência Cores, de São Luís (MA), deixou a empresa e o cargo no qual atuava, atendendo, preferencialmente, ao grupo Mateus. Agora, ele é business partner de comunicação (gostou? É assim que está no Linkedin) do grupo Energisa, com ponto focal da operação de comunicação no estado do Acre. Veja bem, no Acre. Nada contra o Acre, mas convenhamos que estar no “ostracismo” no Rio de Janeiro é bem diferente dessa condição… no Acre. Como diria Sinhozinho Malta: “Tô certa ou tô errada?”.

Ana Danin – A jornalista Ana Danin, depois de dez anos, deixou a assessoria de comunicação da mineradora norueguesa Hydro, que atua no estado do Pará. Antes da Hydro, Ana passou pela rádio Cultura e jornal Amazônia.

Ana Danin se despediu da Hydro

Os jornalistas Pascoal Gemaque, Clotilde Dantas e Vinícius Macêdo, todos da TV Liberal, participam de uma live na quinta-feira, 26, às 21h, chamada “Novos Tempos, Novo Telejornalismo”, na qual irão discutir assuntos importantes do jornalismo em meio à pandemia da Covid-19. A live será veiculada pelo Instagram dos jornalistas.

O jornalista Sidney Filho é o mais novo contratado da Amazona Digital, como produtor de conteúdo. A agência tem a jornalista Andréa Lia Amazonas como fundadora e SEO. Sidney passou pela rádio Cultura, jornal Amazônia e por agências do Rio de Janeiro (RJ).

O jornalista paraense Marbo Mendonça acaba de assumir o cargo de producer jr. na agência Olgivy Brasil, de marketing e publicidade em São Paulo (SP).

Marbo Mendonça trabalhou por anos na TV Cultura do Pará

Kowalsk Baía é o novo analista de comunicação na agência Levant Ideias Comunicação.

O jornalista e radialista Edgar Augusto lançou no dia 14 deste mês um livro de crônicas chamado “Leque de Estrelas”. Edgar comanda hás 30 anos o programa “Feira do Som”, na rádio Cultura e escreve uma coluna de mesmo nome no jornal Diário do Pará. Há seis anos começou a escrever crônicas no mesmo jornal, e 80 delas agora estão no livro.

Novo livro de Edgar Augusto é “Leque de Estrelas”

Nesta quinta-feira, 26, das 17 às 20 horas, será lançado na livraria Fox o novo livro do jornalista e escritor Edyr Augusto Proença, “Crônicas da Cidade Morena 4”.

Novo livro de Edyr Augusto Proença

O grupo O Liberal divulgou os nomes dos concorrentes ao prêmio Ary Sousa de Fotografia, que é uma forma de reconhecimento aos fotojornalistas da empresa e a Ary Sousa, fotógrafo do grupo por mais de 30 anos e que faleceu no ano passado. A votação da melhor foto está sendo feita pela internet. O link da votação é este aqui: https://www.oliberal.com/enquete-premio-ary-souza-de-fotojornalismo-abre-votacao-participe-1.424101

Ary Sousa é homenageado em prêmio de fotografia que leva o nome dele (foto de Paula Sampaio)

É do Pará – A TV Liberal começou a produção do novo “É do Pará”, que volta a ter a apresentação da jornalista Tainá Aires. As gravações das chamadas no estúdio e por pontos turísticos de Belém já começaram. Tainá participa da produção, que tem o apresentador João Jadson como diretor. Com essa fase nova do programa, quem está trabalhando no programa é o cinegrafista Marcelo Barbosa.

NOTA DA EDIÇÃO (27 de agosto de 2021): Ao contrário do que leva a entender a notícia acima, o jornalista e apresentador João Jadson NÃO é o diretor do novo “É do Pará”. Ele, apenas, participou e orientou algumas da gravações que serão usadas no programa.

Marcelo Barbosa (com a câmera), Tainá Aires e João Jadson

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *